Leo Ar
Ser Universitario
 

Por que uma Universidade Comunitária muda a vida das pessoas?

17/01/2017 - 16:26h

Por que uma Universidade Comunitária muda a vida das pessoas?

Universidade Comunitária. Você já ouviu falar nela? Elencamos oito fatos para você entender o funcionamento destas instituições, que ainda soa como algo novo para muitas pessoas.

Você sabe porque estudar em uma é interessante não apenas para a sua formação profissional? Assim como para o seu currículo como cidadão? Sabe quem também ganha com isso? A sociedade!

Vamos aos fatos?

1 – Nascemos da comunidade

A Unesc (Universidade do Extremo Sul Catarinense), em Criciúma, faz parte de um grupo de instituições catarinenses que foram criadas pelo poder público municipal pra expandir o Ensino Superior a cidades menores – antes a concentração de oportunidades estava em Florianópolis.

2 – E somos da comunidade

A Unesc é do povo! Uma Universidade Comunitária não tem um dono específico e toda a infraestrutura é da sociedade. Assim, se as atividades dela encerrarem, tudo que há no campus passa para a cidade, que vai gerir o patrimônio.

3 – Aqui a gente não pensa em lucrar

As Universidades Comunitárias não visam lucro. Cobram mensalidade porque precisam deste recurso para pagar seus funcionários e professores, cuidar da infraestrutura, fazer melhorias e investir em projetos sociais. Ou seja. Todo o dinheiro volta para beneficiar a Instituição, seus alunos e a comunidade.

4 – Ensino, pesquisa e extensão pra uma melhor formação

Todas as ações da Unesc giram em torno do tripé ensino, pesquisa e extensão. E sabe o que isso significa? Educação de qualidade – reconhecida como de excelência pelo MEC, inclusive.

Quando você entra pra família Unesc, pode ir além da sala de aula. Os nossos alunos participam de grupos e projetos de pesquisa e de atividades de extensão. Aliam a investigação científica ao trabalho com a comunidade, ensinando e aprendendo com as pessoas. 

5 – Atendimentos dentro do campus

E por falar em projetos de extensão, a Unesc, por exemplo, desenvolve ações dentro e fora do campus para beneficiar a sociedade. Além dos projetos em que alunos e Professores vão até os Bairros de Criciúma e região, há atendimento gratuito em saúde dentro do campus nas Clínicas Integradas e na UJC (Unidade Judiciária de Cooperação). Isso sim é sair da caixa e olhar diferente né?

6 – Democracia

Todo mundo na Unesc tem voz e vez. O reitor e o vice, assim como as coordenações de cursos, são eleitos por voto direto e universal. Ou seja, cada voto tem o mesmo valor.

7 – Bolsas e descontos

Diferente do que ocorre em uma instituição particular, na Comunitária há uma série de bolsas e descontos para colaborar com a igualdade de oportunidades na Educação Superior. Tem ProUni, tem Nossa Bolsa Licenciatura (com bolsas de até 100%), tem Descontos Corporativos (para funcionários de empresas conveniadas à Unesc), descontos para pessoas acima de 50 anos, para egressos da Universidade, para segunda habilitação, e por aí vai. Ah, e ainda as bolsas para estudantes que participam de projetos de iniciação científica e de extensão.

8 – Somos uma teia

“Na Instituição, nós estamos ligados em uma teia de sentidos, significados e compromissos. Assim como temos essa ligação com a comunidade. Tudo aquilo que a Instituição faz que eleva a Universidade, eleva a comunidade junto. E vice-versa. Tudo o que acontece de bom na comunidade, reflete positivamente na Unesc”. A afirmação vem do reitor Gildo Volpato.

E então? Quer ser comunitário também?

#escolhaunesc

Pra fazer parte do time Unesc você tem a opção do ingresso pelo histórico escolar. Clique aqui (http://bit.ly/EditalEscolhaUnesc) para conhecer todos os cursos, possibilidades e se inscrever.


Fonte: Setor de Comunicação Integrada - Unesc


Compartilhe e exponha sua opinião...

Mais notícias
Veja todas as noticias